Últimos 5 filmes que eu assisti

Helloooo. Eu venho assistindo um mooonte de filmes legais que eu gostaria de compartilhar com vocês, daí resolvi fazer esses posts com mais frequência ok? Sem demora, para as indicações:

1- Amor e outras drogas

Eu nunca tinha assistido esse filme antes, mas agora to apaixonada por ele demaaais. A história é sobre um cara galinha (Jamie), que vai trabalhar na indústria farmacêutica em outra cidade e começa a se envolver com uma garota desencanada que gosta tanto de sexo casual quanto ele, mas também tem Parkinson, o que ele não pensa muito a respeito a princípio. Os dois começam a se envolver e se desenrola uma história que rende boas risadas. Adorei ❤️

2- Um senhor estagiário

Um velhinho fofo, viúvo, de 70 anos, decide participar de um programa de estágio para aposentados em uma loja de roupas on-line que, apesar de ter apenas 18 meses, faz mais sucesso do que Jules (a personagem da Anne Hathaway – siiiim de novo), a dona da empresa que simplesmente adora o seu trabalho, pode dar conta. Essa dupla improvável é um amorzinho e engraçada. 

3- Que horas ela volta

Um título brasileiro, sim. Confesso que não foi o nome nem a propaganda por trás do filme que me chamou atenção, mas reconheço que é um filme bem interessante. Regina Casé trabalha na casa de uma família de classe alta em São Paulo há 10 anos, mesmo tempo que não vê a filha, que mora em Recife. A menina resolve fazer vestibular em SP e acaba ficando hospedada na casa da mãe, que mora num quartinho nos fundos da casa dos patrões. O filme abre uma discussão meio polêmica e maravilhosa que vale a pena refletir. Vai dar uns bons tapas na cara de quem pensa não ter preconceito, mas é um tapa bom, pra gente acordar. Recomendo. 

4- O destino de Júpiter

Primeiro quero dizer que não faço a mínima ideia se esse é um filme baseado em livro, porque não achei nada na internet, mas algo pode ter passado despercebido. Júpiter é uma garota comum que leva uma vida bem pacata, até descobrir que alguns habitantes de outro planeta dividem-se em procurá-la com afinco e tentar matá-la ou salvá-la. Não dá pra dizer mais sem dar spoilers, eu só achei que a história ficou um pouco desconexa, criaram uma realidade muito cheia pra um período de duas horas e um pouco clichê. No fim do filme eu fiquei cansada. 

5- As sufragistas



Inspirado em uma história real, o filme se passa no início do século XX, quando mesmo após décadas de manifestações pacíficas, as mulheres ainda não tem direito ao voto. Só pra esclarecer uma coisa: além de que seria um absurdo que mais da metade da população não pudesse chegar perto de uma decisão sobre o futuro do próprio país, a partir do momento em que mulheres votam, os interesses das mulheres existem frente aos candidatos e, nessa época, era quase como se elas não existissem, sujeitas às situações mais precárias possíveis. Daí as mulheres começam a quebrar vitrines e colocar fogo em caixas de correio, na tentativa de chamar atenção da imprensa e dos políticos. Maud é a personagem principal, uma mulher que acaba descobrindo o movimento e aderindo a ele, e, mesmo passando por “poucas e boas”, Maud chega à conclusão de que a luta pela igualdade de direitos merece alguns sacrifícios. Muuuuito legal ver o quanto as mulheres lutaram para que estejamos onde estamos hoje. Super recomendo. Arrepie-se com o trailer você também:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s